conto erótico bullet sem fio
20 maio 2019

Conto Erótico: Orgasmo em 12 cliques – parte 2

Se você leu a parte 1 desse conto, já sabe que deixei o Fábio louco de tesão entregando o controle do bullet pra ele.

Eu estava excitadíssima imaginando o quanto iria me divertir tendo que disfarçar para as outras pessoas o que estava acontecendo enquanto conversava com elas.

O bullet que Fábio* me deu tinha 12 intensidades. Portanto a coisa podia sair do controle e eu poderia gozar enquanto conversava com o casal.

Isso me deixava com muito mais tesão ainda.

Bom… continuando!

Na mesa com Kátia e Célio

Chegando à mesa do casal, me apresentei à ela e depois à ele.

Gentilmente eles me convidaram pra sentar com eles e perguntaram se meu marido não queria se juntar à nós.

Respondi que quando eu mandasse, Fábio viria.

Continuamos conversando e descobri que era apenas a segunda vez que eles estavam na casa. Contei que sempre vínhamos!

De repente, senti o bullet entrando em ação, bem devagar… uma vibração bem sutil. Sorri. Olhei pro Fábio.

Continuamos conversando. Sobre o trabalho dela, sobre o trabalho dele… já estava quase me acostumando com a vibração de repente: nível 2.

Mordi os lábios… O marido de Kátia*, Célio*, reparou e se aproximou de um lado, cutucou Kátia, que se aproximou do outro.

Isso deve ter deixado Fábio louco, pois ele começou mudar a intensidade mais rapidamente… Até que dei um gemido!

Kátia me beijou, Célio alisou meus seios… nos pegamos fortemente!

Fui descoberta!

Foi então que ela colocou a mão entre minhas pernas e sentiu a vibração. Ela riu, abriu minhas pernas, eu já estava me contorcendo…

Célio assistiu Kátia lamber minhas coxas e ele sacou o pau duro pra fora da calça e começou a se masturbar. Chegamos na velocidade 11!

Acenei pra Fábio juntar-se a nós. Ele veio e todo orgulhoso mostrou o controle para o casal e pediu que Kátia colocasse na velocidade 12.

Gozei! Foi intenso. Prazeroso. Uma experiência incrível!

Fábio ficou vendo eu me pegar com o casal e nos chamou para irmos pra uma cabine. Transamos os 3 enquanto meu corninho se masturbava assistindo e lambendo o bullet com meu gosto.

No próximo conto, darei detalhes de quando mandei o Fábio usar o bullet nele mesmo e dei o controle pro garanhão que me comia.

Gostou desse conto? Me fala nos comentários!


Quer ver seu conto publicado no Blog do ysos? Envie-o pra nós! 

*Nomes fictícios para preservar a privacidade dos personagens.

Deixe seu Comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *