Política de Privacidade

Política de Privacidade do YSOS

A presente Política de Privacidade rege o relacionamento de toda a rede de sites Sexlog incluindo o aplicativo YSOS e quaisquer outros serviços em que a rede de sites Sexlog esteja aderida (“Sexlog”), com os usuários e terceiros que de algum modo acessam ou interagem com a Sexlog, tanto por meio de computadores, quanto de dispositivos móveis ou qualquer outra tecnologia hábil (“Usuário”). Ressalte-se que a categoria de Usuário se configura ainda que o indivíduo não tenha realizado cadastro na rede Sexlog ou em seus outros produtos, como o YSOS. A presente Política de Privacidade deve sempre ser interpretada em conjunto com os Termos de Uso dos produtos e serviços de toda a rede Sexlog.

Tendo como um dos valores a transparência, esta “Política de Privacidade” é destinada à publicidade e esclarecimento sobre as regras impostas aos dados de todos os Usuários, nos termos da legislação aplicável, em todas as plataformas relacionadas ao Sexlog, destacando as formas de coleta, uso, armazenamento, tratamento e proteção dos dados. Caso o Usuário não concorde com o teor desta Política de Privacidade, não deverá acessar ou usar os sites da rede Sexlog.

O Sexlog tem o compromisso com a proteção à privacidade e a segurança de todos os Usuários. Tudo isso para você, nosso Usuário, usar tranquilamente as facilidades que a rede Sexlog lhe proporciona na busca de prazer real.

Vale ressaltar que todas as informações confiadas pelo Usuário do YSOS em seu cadastro serão de uso da rede Sexlog, sendo incorporadas ao seu banco de dados para funcionamento da rede Sexlog, por meio da identificação do Usuário por login e senha.

Solicitamos que todos os usuários dediquem um momento para leitura deste instrumento antes de se cadastrarem na rede, tendo em vista que o acesso a este depende do clique no botão “Aceito a Política de Privacidade”, e de que os Usuários de todos os serviços da rede Sexlog são responsáveis pelo conhecimento do inteiro teor deste instrumento.

Para acesso ao YSOS é necessário que o Usuário realize cadastro prévio, devendo obrigatoriamente fornecer dados pessoais verdadeiros, completos, precisos e atualizados, sendo o único responsável por quaisquer danos ou prejuízos decorrentes de informações incompletas ou inverídicas inseridas em qualquer site/produto da rede Sexlog.

Das informações coletadas

1. O YSOS pode coletar informações de diversas formas. Algumas informações pessoais podem ser obtidas no momento do registro do Usuário, e poderão ser também coletadas no teor das postagens deste, sendo certo que o YSOS pode coletar todas as informações ativamente inseridas no app pelo Usuário.

2. O YSOS poderá coletar informações automaticamente, quando do acesso do Usuário ao aplicativo, bem como utilizar ferramentas para coleta automática de dados transitados pelo app, como cookies, web beacons, crawlers, dentre outros, de parceiros e fornecedores, como o Google Analytics e eventualmente os dados característicos do instrumento de acesso (browser), como sites acessados, modelo de computador, sistema operacional.

3. Poderão ser coletados eventuais dados transmitidos pelo usuário utilizador do app YSOS, inclusive formulários, postagens, mensagens, comentários.

4. Nos termos da legislação brasileira, em todo o acesso, inclusive no momento do cadastro, será coletado o endereço IP do usuário, o horário e data.

Do tratamento dos dados

5. As informações coletadas pelo YSOS poderão ser utilizadas para personalização e melhoria do conteúdo e/ou dos serviços que serão disponibilizados na rede Sexlog ao Usuário. O conhecimento sobre o Usuário possibilitará seu atendimento personalizado, com mais eficiência e respeito, inclusive possibilitando facilidades na navegação.

6. Para eventuais campanhas de marketing específicas ao público almejado, os dados coletados poderão ajudar a delimitar o interesse do usuário para oferta de produtos exclusivos.

7. Os dados coletados poderão ser disponibilizados para serviços de marketing direcionado e para elaboração de relatórios estatísticos para a rede Sexlog.

8. Os dados poderão ser encaminhados conforme o pedido das autoridades competentes, bem como para eventuais demandas judiciais ou extrajudiciais como instrumento de defesa, elaboração de denúncias ou outros procedimentos de interesse da rede Sexlog.

9. O banco de dados do YSOS constitui um ativo da empresa eSapiens Internet SA, e poderá, em caso de alterações societárias, ser entregue a quem de direito, assim como pode ser negociado isoladamente.

Do armazenamento dos dados

10. Todos os sites relacionados à rede Sexlog possuem protocolo HTTPS, uma camada a mais de segurança que permite que os seus dados como Usuário, senha e informações pessoais sejam criptografados e verificados pelo servidor por meio de certificados digitais.

11. Como padrão de segurança estipulado pela Legislação brasileira, a rede Sexlog:

Mantém estrito controle sobre o acesso aos dados mediante definição de responsabilidades das pessoas que terão possibilidade de acesso e de privilégios de acesso exclusivo para determinados Usuários;
Criou mecanismos de autenticação de acesso aos registros para assegurar a individualização do responsável pelo tratamento dos registros;
Mantém inventário detalhado dos acessos aos registros de acesso a aplicações, contendo a data e hora de uso a partir de um determinado endereço de IP, inclusive para cumprimento do disposto na legislação brasileira;

12. O YSOS se compromete a reter a menor quantidade possível de dados pessoais, comunicações privadas e registros de conexão e acesso a aplicações, os quais deverão ser excluídos assim que atingida a finalidade de seu uso; ou após o encerramento do prazo determinado por obrigação legal.

13. O YSOS se reserva ao direito de manter os dados do usuário pelo prazo determinado na legislação brasileira, para cumprimento de ordem emitida por autoridade competente.

Disposições Gerais

14. Qualquer tolerância da rede Sexlog com relação ao descumprimento do disposto nesta política não constituirá, em hipótese alguma, renúncia ou novação, nem impedirá a rede Sexlog de fazer valer quaisquer direitos estabelecidos no presente instrumento;

15. Caso qualquer cláusula desta Política de Privacidade venha a ser declarada nula, por qualquer motivo, as demais cláusulas permanecerão em vigor e produzirão plenamente seus efeitos. Caso a nulidade venha a afetar o equilíbrio da presente relação, as partes se comprometem a renegociar, de boa-fé, as condições aqui estabelecidas.

16. Os Termos de Uso são parte integrante do presente documento, sendo que ambos serão aplicados e interpretados em conjunto. Em caso de divergência entre os Termos de Uso e a Política de Privacidade, ou outros documentos, prevalecerá o disposto nos Termos de Uso.

17. A rede Sexlog se reserva ao direito de alterar esta Política de Privacidade para adaptá-la à legislação aplicável ou às melhores práticas empresariais, a qualquer momento e independentemente de justificativa.