Fetiches

Glory Hole Brasil: O que é e como ele funciona?

O que é Glory Hole?

Glory Hole Brasil é o espaço em que ficam aquelas cabines com buracos de interação sexual onde você pode colocar as mãos, o pênis, a vagina ou posicionar o ânus para que a(s) outra(s) pessoa(s) te penetre(m).

Geralmente ficam dispostos em cabines para quem entra poder interagir com a(s) pessoa(s) que estão por trás ou que estão nas cabines laterais.

O número e a posição de buracos nas cabines varia em cada cabine e em cada estabelecimento, mas sempre haverá pelo menos um santo buraco para a diversão!

Como funciona o Glory Hole?

O funcionamento é bem simples.

A interação é sempre para no mínimo 2 pessoas, mas casais e grupos de solteiros podem interagir entre eles ou com as outras pessoas que estão lá.

Geralmente o casal vai para interagir com singles. Para maridos cuckold ou voyeurs, que amam ver a(o) companheira(o) se deliciando com outras pessoas, é um prato cheio!

O tesão rola solto conforme as pessoas vão se sentindo à vontade para tirarem a roupa ou até mesmo liberarem as partes apenas.

Você pode, por exemplo, chupar uma pessoa em um buraco enquanto é penetrada(o) por outra pessoa que está com o pênis em outro buraco ou que está dentro da cabine com você.

São muitas as possibilidades. O bacana é usar a criatividade no glory hole Brasil!

Que pessoas eu posso encontrar em um desses?

Você vai encontrar todos os tipos de pessoas maiores de idade que você imaginar.

Homens e mulheres cis e trans, pessoas na maturidade, pessoas casadas, solteiras, heterossexuais, homossexuais, bissexuais.

Você controla o tipo de interação que quer ter. Não é não. Assim como numa balada liberal você só faz o que tem vontade.

Como encontrar um para conhecer?

Enquanto você pensa quando vai separar um tempinho para ter essa experiência já te digo como descobrir o Glory Hole mais próximo de você.

Pesquisando no Google por Glory Hole + o nome da sua cidade você descobre se há um espaço desses e onde ele fica.

Se por acaso não encontrar, teste com as cidades vizinhas ou a maior cidade de sua região.

O que não fazer em um Glory Hole?

  • Não insista em fazer o que a pessoa do outro lado já disse que não quer
  • Nunca retire a camisinha durante o ato. Isso é crime
  • Quando você for abordado(a) e não tiver interesse, seja educado(a) ao negar o pedido. Ninguém é obrigado(a) a saber o que você gosta e o que você não gosta
  • Desrespeito é inaceitável
  • Nunca siga pessoas até a entrada destes lugares e nem as espere na saída. O que acontece em Vegas, fica em Vegas
  • Não esqueça seus preservativos. Geralmente esses lugares têm, mas é sempre bom você ter uma pochete/bolsa ou levar no bolso os seus próprios para que os tenha em mãos em qualquer ambiente do estabelecimento
  • Não beba em excesso. Em um local como esse, assim como em uma balada libera; é importantíssimo que você esteja consciente e ciente de tudo que está rolando
  • Não tenha medo nem vergonha de pedir por ajuda caso ache necessário. O estabelecimento provavelmente tem porteiro e/ou segurança(s)

Cuidados que devo ter ao visitar um

No dia em que for visitar um Glory Hole, não ande com grandes quantias de dinheiro no bolso, leve somente o necessário.

É sempre bom olhar as avaliações do local no Google e também dar uma passada na frente um dia antes ou no dia da visita mesmo, para observar o público e a movimentação.

Evite aceitar bebida dos outros, preservativo dos outros e fique atento à sua comanda.

Não sei a qualidade do lugar que você encontrará perto de você, mas preze sempre por um ambiente em que você se sinta seguro(a) e respeitado(a). Se tiver dúvidas sobre o local, questione pessoas das salas de bate-papo da sua região e colha opiniões.

Quer encontrar pessoas perto de você que curtem esse fetiche e queiram se divertir contigo? Baixe o ysos agora mesmo!

ysos para Android
ysos para iOS

1 Comment

  • Jonatas
    junho 24, 2022 at 43:45 PM

    Amo ir no glory roly pra colocar meu caralho para as esposas dos cornos mamarem e algumas que quizerem eueto meu caralho até o talo.

    Responder

Deixe um comentário