seduzir meu vizinho
24 abr 2020

Como o ysos me ajudou a seduzir meu vizinho

Seduzir meu vizinho não estava nos meus planos! Baixei o app e quando vi que mostrava quem está perto tive um mix de sensações… medo e adrenalina. Decidi encarar!

E se encontrasse algum vizinho? Alguém do trabalho? E se ele ou ela me reconhecesse?

Essas preocupações foram embora logo na criação do cadastro. Vi que não podia por foto de rosto como foto de perfil e já fiquei mais aliviada.

Tinha algumas fotos sensuais de corpo todo. Editei no notebook cortando o rosto, dei uma borrada na tatuagem da costela (só por precaução, porque só quem já me comeu que já viu essa tattoo) e criei o perfil!

Confesso que não mexi muito no primeiro dia. Estava meio com receio ainda. Já saí com dois casais mas nunca fui em casa de swing e essas coisas do tal meio liberal. Nem sei se tem na minha cidade.

Por falar em cidade… outra coisa boa! Percebi que eu poderia colocar que era de uma cidade vizinha, pra despistar. Se alguém perguntasse como os km estavam dando mais perto, podia falar que estava visitando alguém.

Depois, quando pegasse confiança na conversa poderia dizer de onde era de verdade quando fosse marcar o encontro. A distância de segurança também é ótima pra nós mulheres, porque mesmo se eu estiver do lado da pessoa, vai mostrar que estou à 1km, para eu não ser reconhecida.

Bom, voltando à minha história, que quase virou um review do app hauahaua mas é porque eu gostei mesmo!

Como comecei no app

Entrei no app, fiz meu cadastro e comecei a ver as pessoas por perto. Já tinha um tanto razoável de pessoas da minha cidade e tinha um montão de gente da cidade ao lado, que é uma capital.

Isso pra mim não era problema. Se achasse um cara ou um casal que valesse a pena encontrar, iria pra capital fácil fácil. Já levava uma amiga junto no barzinho do encontro pra ficar de olho de longe e me sentir segura.

Dia 1: recebi várias curtidas, de homens, de casais. Tava me achando o máximo já ehehheh Aquilo me deixou excitada. Fiquei só olhando.

No dia seguinte resolvi me envolver e responder o pessoal. Abria as curtidas deles com as mensagens se apresentando e falando o que queriam comigo, dava uma boa lida no perfil e os que eu gostava curtia de volta, os que eu não gostava, descartava.

Um rapaz, boa pinta, há 1km de mim me mandou mensagem! Ele elogiou minhas fotos públicas, disse que havia me enviado um pedido pra ver as fotos privadas e disse que tinha dado sorte por achar uma gata que nem eu ali. Sorri com o canto da boca lendo rsrs e resolvi responder.

Nossa interação no app

Curti ele de volta, o app me avisou que a gente combinava e abriu um chat entre nós. Era ali que tudo ia acontecer!

Ele fez várias perguntas e de repente parou pra me “ouvir”. Acho que ele estava ansioso. Depois descobri que era isso mesmo. Ele estava prestes a sair com um casal e ia ser a primeira vez. Me contou que só estava acostumado com 1×1.

Eu aproveitei para fazer várias perguntas e para dar algumas dicas de como se comportar com a esposa. Pra ele não fazer feio e não gerar uma má impressão.

Conversa vai, conversa vem… estava feliz que ele não tinha sido invasivo tentando saber detalhes específicos de onde eu moro, onde trabalho etc

Liberei a galeria privada pra ele e o rapaz, Antônio era o nome que ele me deu, ficou louco! Foi tomado por um tesão e começamos a conversar intensamente como se estivéssemos fazendo sexo ali, naquela hora.

Gozei com uma siririca gostosa! Ele colocou uma foto na galeria privada do pau dele todo gozado depois e me mandou mensagem avisando pra eu ver. Foi uma interação como eu nunca tinha tido.

Perguntei a ele como ele me imaginava e ele disse que imaginava que eu era parecida com uma amiga do trabalho. Aquilo me excitou. Me lembrei do meu vizinho e falei que o imaginava assim, bem pertinho.

Ele aproveitou para me instigar a seduzir meu vizinho até que marcássemos nosso encontro. Fiquei pensando que seria interessante brincar com isso nos próximos dias. Aceitei!

O desafio de seduzir meu vizinho

Combinado é combinado! No dia seguinte, quando acordei, abri a janela, me espreguicei de camisola tentando espiar se o vizinho estava no quintal. Estava! Eu sabia a missão: seduzir meu vizinho! Peguei um creme e comecei a passar nos braços e abaixei a alça da camisola um pouco…

O vizinho estava no quintal fazendo flexões sem camisa. Nunca tinha reparado nele. Aquilo me acendeu. Fechei a janela, fui pro banho e me masturbei. Fiz foto e coloquei na galeria privada. Mandei mensagem pro Antonio ver.

No dia seguinte, fiz a mesma coisa. E o vizinho acho que quis ter um repeteco. Ele meio que estava olhando pra janela enquanto se exercitava. Dessa vez comecei fazendo de conta que não sabia que ele estava lá.

O dia correu, a noite tomei banho e saí de toalha para o quarto, obviamente em direção à janela. Quem estava lá? Ele, o vizinho! Já fiquei com tesão.

Ele me olhou, eu entendi que ele estava esperando pra ver se alguma coisa a mais ia rolar. Plano de seduzir o vizinho em ação novamente!

Acenei com a cabeça e sorri. Ele acenou de volta. Virei em direção ao guarda-roupa e fiquei espiando ele pelo espelho. Não fechei a janela.

As coisas se intensificaram

Como eu estava de costas, acho que Antonio achou que eu não o via e que eu devia achar que ele ia sair dali. Deixei a toalha cair. Ele arregalou os olhos e alisou o pau por cima da calça.

Me vesti e fechei a janela. Ele já não estava lá. Deve ter ido bater uma punheta pensando na minha bundinha. Eu amei e me acabei na siririca pensando nisso. Chamei Antonio pra conversar.

Ele me respondeu falando que tinha acabado de gozar pensando em mim. Eu ri e falei que o chamei porque também tinha gozado. Fizemos nosso ritual de colocar as fotos das gozadas na galeria privada do app e foi bom!

No outro dia, de manhã, me espreguicei sem camisola na janela, só calcinha e sutiã. Antonio não estava no quintal. Estava na sua janela também, só de cueca. De pau duro. Fez de conta que não me viu, tirou o pau pra fora da cueca e se masturbou. Retribuí. Fiquei novamente nua.

Ele gozou. Eu me masturbei e gozei. Tomei banho e café.

Tive uma surpresa

Pouco antes de eu sair pra trabalhar, toca minha campainha. Quando abro a porta, é meu vizinho. Fico sem reação. Ele me pergunta se tenho açúcar, que ele está sem. Eu digo que sim, dou risada e ao entrar pra ir pegar, o convido para entrar.

Jorge pega o pacote de açúcar da minha mão, põe de lado na mesa, diz que ama me ver e segura minha mão. Eu dou um beijo em sua boca e transamos ali mesmo na mesa da cozinha. Foi forte, intenso… sensacional!

Seduzir meu vizinho foi a melhor ideia que Antonio podia ter me dado! Enquanto Jorge me penetrava eu gemi e chamei por Antonio. Jorge parou na hora, começou a dar risada e sentou no sofá. Fiquei envergonhada.

Ele buscou pela sua bermuda, tirou o celular do bolso e abriu o que? O ysos! Jorge era Antônio e não sabíamos. Foi divertido. Até hoje brincamos de vez em quando que somos desconhecidos e fazemos nosso “jogo da janela”.

E foi assim que me mantive anônima até conseguir transar com os dois homens que eu deseja: Antônio e Jorge. Tudo de uma vez!

Quer nos enviar sua história também? Entre em contato conosco agora!

Quer viver histórias intensas como essa? Baixe o ysos agora!

Deixe seu Comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *